Rua de Mão Única

"Para os grandes, as obras acabadas têm peso mais leve que aqueles fragmentos nos quais o trabalho se estira através de sua vida" - Walter Benjamin

domingo, novembro 27, 2005

 
Uma extensão - Daniel Camacho

Sob o céu de Higienópolis

Subo nesta torre para observar os arredores, o horizonte, a paisagem ou, como dizem os estrategistas, o perímetro. A função é simples, quase monótona. Nada entra, nada sai que eu não saiba. Seja homem, seja mulher. Seja alto, seja baixo. Grande ou pequeno, ninguém escapa a minha observação. Ora, como uma pessoa de bem, cumpro com meu dever. Afinal, daqui todos são iguais e, como não posso deixar minha família à mercê dessa gente sem nome, sem eira nem beira, toda atenção é pouca. Por isso, quando é preciso alertar, denunciar, ou até mesmo abater, não titubeio. Nestas horas, o que importa é a segurança do meu povo.

(do livro "Perambulando pelo caos"-série - urbanidades # 14)

Comments:
urubus, atiradores de elite...é tanta coisa lá no alto...

obrigada pela visita


 
Este conto me lembrou muito a absurda situação vivida pelos árabes e tratada no filme "Sob o Céu do Líbano". Até que ponto chegaremos quando cotidianamente testemunhamos práticas e discursos que atualizam e legitimam a "eugenia"; a exclusão social e a sociedade do controle total???? Parabéns pelo seu belo conto.
Graça
 
bom
acho que todos os bons " governantes observadores" deveriam pensar assim.
A segurança de seu povo...
Mas fica até parecendo piada.
 
Seu texto me fez pensar na impotência do personagem de Win Wenders, em Asas do Desejo. Posição privilegiada e imagem turva: do topo, nenhum olhar é isento de confusão...
 
excelente texto, Cláudio. E o homem, sempre na vãtentativa de ter o controle...

Saudações do Cárcere
 
Estive viajando, voltei ontem e já estou novamente e saída. Antes, deixo aqui meu comentário. Graça tocou num ponto de interessante, ou seja,o conflito entre israelenses e palestinos.Contudo, nessa narrativa, antes de ser um conflito fora dos limites do território nacional, a situação parece transcorrer um pouco mais perto. A mim sugere uma cena tão surrealista, onde pessoas vivendo na fronteira do pânico, levadas ao extremo da neurose urbana, resolvem utilizar-se da lei de talião para proteger-se da horda de "bárbaros" - nesse caso, pobres, negros, nordestinos, mendigos, crianças de rua, etc. Abusurdo, mas verdadeiro. Verdadeiro porque observamos nas grandes cidades os muros sendo erguidos, as cercas eletrificadas, a segurança particular,o voto pelo "não" e outras formas de segregação e discriminação. Proteger meu povo, neste caso, seria utilizar a cidadania às avessas.Abraços.
 
Esse é o perigo do tal do "perímetro". Se mal manuseado, e aqui não é o caso, as observações ficam similares as fotos polaroyd...com o tempo esmaecem. Essa aqui não. Essa é desigual, convexa, colorida e sobretudo pra sempre. Belo snapshot. Belíssimo.
abçs
Ilidio
 
Nessas horas, o que importa mesmo é esse texto! Abs!
 
O que dizer desse perfeito texto?
Vamos analisar "Como uma pessoa de bem?"!!cumpro o meu dever...aí a pessoa de bem é um termo questionável..porque de bem? e cumprir o dever é algo pobre demais na vida..precisamos ir além disso,..
saudades de vc claudio.
habeijos
 
O amor por nossa família, faz coisas que a gente nunca imaginou. Como sempre, um belo conto.
 
, observe mais, olhe mais, abra gavetas tão bem... & que venha mais textos.
|abraços meu caro|
 
sabe que o que vc escreveu me lembrou do "ensaio sobre a cegueira"? aquilo que descobrimos de nós e em nós nos momentos mais estranhos...difíceis ou bons... um beijo
 
Eu observo sempre da minha janela... mas ultimamente ela têm permanecido trancada.
e as pessoas ainda passam... mesmo que eu não veja, eu ouço os passos.

grande abraço
 
excelente texto, vc é mto bommm abs, laura
Não conheço este livro que citou lá no blog quero saber mais. abs laura
 
Olá, querido Luz, ja faz um tempo q não passo por aqui... então passei para dizer que cada dia que passa, é mais gostoso ler os seus posts!!!!
beijão
 
Oi Luz!

Vale tudo em nome da segurança?

Abraços do CC.
 
Cláudio, pesquei teu endereço lá no (CC). Convido-te a conhecer um projeto, o qual descrevo em forma de crônica e diálogo, aqui: http://biliv.blogspot.com
É um grande projeto, do qual, gostando, poderás participar e divulgar a teus leitores(as). . Abraço! Jean.
 
é sempre assim: um beijo e um tiro.
 
Resta sua consciência precisa, resta suas vontades...importa tudo isso.
 
Ahahahahahah, esse texto está muito bom. Preciso o sujeito.
 
Postar um comentário

<< Home

hisTórico

08.28.2005   09.04.2005   09.11.2005   09.18.2005   09.25.2005   10.02.2005   10.09.2005   10.16.2005   10.23.2005   11.20.2005   11.27.2005   12.04.2005   12.11.2005   12.18.2005   01.29.2006   02.05.2006   02.12.2006   02.19.2006   02.26.2006   03.05.2006   03.12.2006   03.19.2006   03.26.2006   04.02.2006   04.09.2006   04.16.2006   04.23.2006   04.30.2006   05.07.2006   05.14.2006   05.21.2006   05.28.2006   06.04.2006   06.11.2006   06.18.2006   06.25.2006   07.02.2006   07.16.2006   07.23.2006   07.30.2006   08.06.2006   08.13.2006   08.27.2006   09.10.2006   09.17.2006   09.24.2006   10.01.2006   10.15.2006   10.22.2006   10.29.2006   11.26.2006   12.17.2006   01.28.2007   02.04.2007   02.11.2007   02.18.2007   02.25.2007   03.11.2007   05.18.2008   07.06.2008   08.31.2008   10.19.2008   12.14.2008   02.01.2009   02.15.2009   02.22.2009   03.08.2009   03.29.2009   04.19.2009   04.26.2009   05.31.2009   06.21.2009   08.09.2009   12.20.2009   01.31.2010   05.09.2010   05.16.2010   06.27.2010   02.06.2011   06.05.2011   08.14.2011   08.28.2011   04.29.2012   12.02.2012   04.21.2013   09.22.2013  

pUbliCaçÕes

Literatura - Revista do Escritor Brasileiro - nº30
Literatura - Revista do Escritor Brasileiro - nº31
Literatura - Revista do Escritor Brasileiro - nº32

aRtiGos

Usina de Letras
fotoclube F/508
Cronópios

OuTros imPosTos

Alê
Algaravária
Alexandre Costa
Ana Baggio
Arruda
Carlos Besen
Carpinejar
Celso Boaventura
Chloè
Cláudio B. Carlos
Claudinei Vieira
Cronópios
Dioneide Costa
Edilson Pantoja
Eduardo Baszczyn
Eduardo Oliveira
EscritorasSuicidas
Estulticia
Elidio Soares
Elisa Andrade Buzzo
Hermes Bernadi
Ivã Coelho
Larissa Marques
Marcelino Freire
Marcos Pardim
Marilena
Menalton Braff
Mim
Nandi
Natércia Pontes
Nilto Maciel
Nirton Venancio
Pedro Paulo Pan
Pedro Paulo Pan
Projeto Identidade
Rubens da Cunha
Tudo Lorota
Valéria
Whisner Fraga
eXTReMe Tracker Divulgue o seu blog! Site Meter

This page is powered by Blogger. Isn't yours?