Rua de Mão Única

"Para os grandes, as obras acabadas têm peso mais leve que aqueles fragmentos nos quais o trabalho se estira através de sua vida" - Walter Benjamin

sábado, maio 27, 2006

 
Sem título - autor desconhecido

Para uso próprio

Sem conseguir disfarçar o tédio, não espera perdão nem deseja alimentar remorso; quer apenas saber os detalhes. Do outro lado da mesa, um funcionário de baixo escalão procura explicar-lhe o funcionamento da empresa. Milhares de transações são realizadas ao redor do planeta, alguns são trocados, outros doados, muitos descartados; independente da nossa vontade, a roda gira. Ninguém é ludibriado. Retirando da gaveta um contrato, devidamente carimbado e registrado em cartório, coloca o dedo indicador na assinatura. Vê? , tudo foi realizado dentro da maior legalidade. Agora, se ela queria para uso próprio, então, porque concordara com a venda? Em todo caso, a agência estava ali para auxiliá-la no que fosse necessário; marcasse hora e local, noite ou dia, motel, casa ou apartamento.

(do livro "Perambulando pelo caos" - série - infâncias # 16)

Comments:
nas milhares de transações pelo planeta à fora, mesmo entre trocados, doados ou descartados, sexo é, foi e será sempre valiosíssima moeda de compra ou troca. 1 abraço
 
já pensou esses seus contos curtos em filmes curtos?
 
Alguém sempre será ludibriado neste planeta cheio de desonestos.
Meu abraço
 
curtas-metragens, sim, Cláudio.
 
Também acho que ficariam excelentes, Nirton. Ao menos imagéticos eles são, e muito.

Abçs, Cláudio.
 
Olha aí, Claúdio, a visão afiada do poeta Ivã! Vamos pensar num roteiro?
 
Ele, um objeto!
 
, relascionamentos que transcendem. quando só quer dar, doar, vender, alugar...um coração. depois é tudo complicado. relacionamentos...
|abraços meus|
 
, é relacionamentos.
desculpa
 
No alvo!
 
Caro Claudio!!

A sua preocupação com a mercantilização da vida vai se revelando, como se fosse um pedido de socorro. O seu estilo confunde seus melhores leitores. Talvez a comercialização do prazer (sexo/erótico) seja visto por todos com mais naturalidade. Daí não perceberem que se trata de pessoas ( os próprios filhos ). Úm abraço!!!!!!!!
 
CARACA, Cláudio! Essa é pra poucos, só pra diretoria, que entende ou acha que entende a última frase. PQP!
abçs
Ilidio
 
Agradeço a observação feita e a paciência. Vou tentar corrigir mas não sei se conseguirei. Abraços
 
vamos em frente que atrás vem gente....

um beijo querido
 
o problema dos contratos é apenas a sua legalidade.
vou assinar um termo de anuência com minha loucura: "permito que você tome conta de tudo".

grande abraço, moço
 
Fiz uma faxina lá.
Podes ver pra mim se melhorou?
Desculpe o abuso... bjs
 
Preciso e consistente.

Sds
 
disse Clarice Lispector: "Nesse âmago tenho a estranha impressão de que não pertenço ao gênero humano" .... e de que ninguém mais pertence...
um beijo
 
Muito bom!!! Muito bom mesmo!!! Como sempre !

Um grande abraço,
Aerodrama.
 
E é assim a "roda viva, que leva tudo pra lá", e "roda mundo / roda gigante / roda moinho / roda peão / o tempo rodou num instante / nas voltas do meu coração..."
Adorei!
Beijo!
 
Passando aqui para conhecer seu blog. E tbm para falar do meu, passe lá e descubra os encantos culturais da minha cidade. Se gostas de cultura de conhecer novos sons, peças teatrais, lugares encantadores , lá é o lugar certo para isso.

Um abraço e boa semana.
 
não entendi bem, mas gostei, é sexo? bj laura
 
Texto maravilhoso...
 
Também fiquei meia perdida!!
Não entendi direito!!
Beijos
 
O Caleidoscópio do Fotoclube mudou de endereço:
http://www.fotoclubef508.com/?id=245
 
Tive de rir no final.
Motel, casa ou apartamento...
 
Como é que é? Me senti diante de um daqueles quadros modernos! Mas então somos salvos pela burocracia: tudo legal...
 
oops... vou te linkar!! É fatal meu amigo. Gostei muito dos textos....
abraços
 
ah!, desta vez, o fabuloso mundo dos negócios... Muito legal!!! Abraçu du Isac
 
ei claudio
quem tava cantando era VANESSA DA MATA
beijo grande
 
Postar um comentário

<< Home

hisTórico

08.28.2005   09.04.2005   09.11.2005   09.18.2005   09.25.2005   10.02.2005   10.09.2005   10.16.2005   10.23.2005   11.20.2005   11.27.2005   12.04.2005   12.11.2005   12.18.2005   01.29.2006   02.05.2006   02.12.2006   02.19.2006   02.26.2006   03.05.2006   03.12.2006   03.19.2006   03.26.2006   04.02.2006   04.09.2006   04.16.2006   04.23.2006   04.30.2006   05.07.2006   05.14.2006   05.21.2006   05.28.2006   06.04.2006   06.11.2006   06.18.2006   06.25.2006   07.02.2006   07.16.2006   07.23.2006   07.30.2006   08.06.2006   08.13.2006   08.27.2006   09.10.2006   09.17.2006   09.24.2006   10.01.2006   10.15.2006   10.22.2006   10.29.2006   11.26.2006   12.17.2006   01.28.2007   02.04.2007   02.11.2007   02.18.2007   02.25.2007   03.11.2007   05.18.2008   07.06.2008   08.31.2008   10.19.2008   12.14.2008   02.01.2009   02.15.2009   02.22.2009   03.08.2009   03.29.2009   04.19.2009   04.26.2009   05.31.2009   06.21.2009   08.09.2009   12.20.2009   01.31.2010   05.09.2010   05.16.2010   06.27.2010   02.06.2011   06.05.2011   08.14.2011   08.28.2011   04.29.2012   12.02.2012   04.21.2013   09.22.2013  

pUbliCaçÕes

Literatura - Revista do Escritor Brasileiro - nº30
Literatura - Revista do Escritor Brasileiro - nº31
Literatura - Revista do Escritor Brasileiro - nº32

aRtiGos

Usina de Letras
fotoclube F/508
Cronópios

OuTros imPosTos

Alê
Algaravária
Alexandre Costa
Ana Baggio
Arruda
Carlos Besen
Carpinejar
Celso Boaventura
Chloè
Cláudio B. Carlos
Claudinei Vieira
Cronópios
Dioneide Costa
Edilson Pantoja
Eduardo Baszczyn
Eduardo Oliveira
EscritorasSuicidas
Estulticia
Elidio Soares
Elisa Andrade Buzzo
Hermes Bernadi
Ivã Coelho
Larissa Marques
Marcelino Freire
Marcos Pardim
Marilena
Menalton Braff
Mim
Nandi
Natércia Pontes
Nilto Maciel
Nirton Venancio
Pedro Paulo Pan
Pedro Paulo Pan
Projeto Identidade
Rubens da Cunha
Tudo Lorota
Valéria
Whisner Fraga
eXTReMe Tracker Divulgue o seu blog! Site Meter

This page is powered by Blogger. Isn't yours?