Rua de Mão Única

"Para os grandes, as obras acabadas têm peso mais leve que aqueles fragmentos nos quais o trabalho se estira através de sua vida" - Walter Benjamin

sexta-feira, dezembro 01, 2006

 

Quase uma mulher

Era quase noite. Olhava o vazio ou a rodovia, de pálpebras semicerradas, apreciando o nada ou as primeiras luzes lançadas pelos carros. A velha cabeça, reclinada para fora da janela, parecia querer se igualar à paisagem. Aparentemente tão amigas, ela e a escuridão. Indiferente às rugas, à magreza, ao tempo. Ao giro da terra, à vida que não exigia muito e não oferecia nada.Ou, antes, sem mudança, sem propósito e nenhum caminho.

(do livro "Pessoas bonitas acordam tarde")

(ilustração, Maurício - http://elcollage.blogspot.com)


Observação: Minha ausência, meu silêncio é devido à vários fatores: ausência de internet, formatação de computador, computador novo, entre-safra criativa, excesso de trabalh0 - correção de provas, fechamento de diários de classe. Em breve estarei retornando aos comentários.

Comments:
Adorei o texto!!
"...à vida que não exigia muito e não oferecia nada.Ou, antes, sem mudança, sem propósito e nenhum caminho."
Tb estou ausente devido ao rimto da própria vida que as vezes exige demais..rs
beijos
 
sou eu!!... bom... sem a parte da cabeça velha e das rugas... temos tempo pra isso =)
 
sair de si para ser outro, junto ao todo que de fora nos espreita. voltar e ver que nada muda tanto, quanto o que vai aqui dentro.

Como sempre, ótimo!


Abração!
 
Meu caro, esse fim-de-ano não foi fácil. Louca-vida. É tempo que onde se olha pra trás e não quer ver. Vamos andando. Forte abraço do seu mano Diogo Costa.
 
Lindo como sempre o importante é criar coisas belas.
 
Compreensível, meu companheiro de lida (refiro-me às cadernetas). Outro bom texto! Confere o novo capítulo no Albergue. Abraço!
 
A beleza por trás da mulher escodida em sua escuridão. Por vezes, idem, escondo-me na minha.

Abçs, caramigo.
 
Ai , estava preocupada.
Que bom querido, aguardo seu retorno


um beijo grande
 
depois de um certo período de existência, meu caro, intuo que propósitos e caminhos mudem de significados... 1 grande abraço.
 
Cláudio, final de ano é loucura pra todos!
gostei do que o marcos falou ai em cima... mudanças de significado.
hábjs!
 
Puxa...estava sentindo a sua falta cara! Boia sorte com as coisas por aí!
 
Oi Claudio,

Ainda bem que deu sinal de vida com mais um belo texto. Rápido, rasteiro e belo.
Saudades!....

Beijos...
 
Eu estava preocupada com a sua ausência.
Passei pra verificar se estava tudo em ordem!

Beijos! :)
 
depois de uma pausa, um belíssimo post, forte, contundente e meticulosamente bem escrito, da primeira à última letra, como só o cláudio sabe fazer. beijos.
 
, parentes antigas. ela e a escuridão. em estas paisagens, estas passagens...
, boa sorte meu caro!
|abraços meus|
 
Sem caminho algum, invisível entre tantos outros;vida com gosto de coisa nenhuma.
 
fazer de si, paisagem. ancorar a vida pra que nada mude. é preciso chegar a lugar algum?
 
Estava sentindo sua falta.
Gostei do texto, tb ia dizer qwue era eu, ma sestou com planos hihihi não estou na escuridão, felizmente.
bjs laura
 
Cláudio, o encanto dos seus textos é este! a cada leitura, uma releitura !
passando pra lhe deixar... hábjs!
 
imagem bonita para versos leves
 
Hey,
Te espero lá no ano que vem, ok?!

Beijos de Boas Festas!!!...
 
cláudio, meu caro, ter passeado por este canteiro de obras, em meio a letras tão bem construídas, certamente foi uma das coisas boas de 2006. tudo de bom pra você e até 2007.
 
Olá Claudio.
Passando por aqui pra te deixar carinhos, e desejar uma linda noite de Natal !!!
Muito amor e muita paz!!
beijos
 
Grande Claudio,

Um bom Natal e um 2007 cheio de alegris e sucessos.

E muita poesia!!!
 
feliz natal.
abraços
Rubens
 
Sei exatamente o que é isso no final de ano.
Passei um período de exaustão que nem sei...

Beijos.
 
Postar um comentário

<< Home

hisTórico

08.28.2005   09.04.2005   09.11.2005   09.18.2005   09.25.2005   10.02.2005   10.09.2005   10.16.2005   10.23.2005   11.20.2005   11.27.2005   12.04.2005   12.11.2005   12.18.2005   01.29.2006   02.05.2006   02.12.2006   02.19.2006   02.26.2006   03.05.2006   03.12.2006   03.19.2006   03.26.2006   04.02.2006   04.09.2006   04.16.2006   04.23.2006   04.30.2006   05.07.2006   05.14.2006   05.21.2006   05.28.2006   06.04.2006   06.11.2006   06.18.2006   06.25.2006   07.02.2006   07.16.2006   07.23.2006   07.30.2006   08.06.2006   08.13.2006   08.27.2006   09.10.2006   09.17.2006   09.24.2006   10.01.2006   10.15.2006   10.22.2006   10.29.2006   11.26.2006   12.17.2006   01.28.2007   02.04.2007   02.11.2007   02.18.2007   02.25.2007   03.11.2007   05.18.2008   07.06.2008   08.31.2008   10.19.2008   12.14.2008   02.01.2009   02.15.2009   02.22.2009   03.08.2009   03.29.2009   04.19.2009   04.26.2009   05.31.2009   06.21.2009   08.09.2009   12.20.2009   01.31.2010   05.09.2010   05.16.2010   06.27.2010   02.06.2011   06.05.2011   08.14.2011   08.28.2011   04.29.2012   12.02.2012   04.21.2013   09.22.2013  

pUbliCaçÕes

Literatura - Revista do Escritor Brasileiro - nº30
Literatura - Revista do Escritor Brasileiro - nº31
Literatura - Revista do Escritor Brasileiro - nº32

aRtiGos

Usina de Letras
fotoclube F/508
Cronópios

OuTros imPosTos

Alê
Algaravária
Alexandre Costa
Ana Baggio
Arruda
Carlos Besen
Carpinejar
Celso Boaventura
Chloè
Cláudio B. Carlos
Claudinei Vieira
Cronópios
Dioneide Costa
Edilson Pantoja
Eduardo Baszczyn
Eduardo Oliveira
EscritorasSuicidas
Estulticia
Elidio Soares
Elisa Andrade Buzzo
Hermes Bernadi
Ivã Coelho
Larissa Marques
Marcelino Freire
Marcos Pardim
Marilena
Menalton Braff
Mim
Nandi
Natércia Pontes
Nilto Maciel
Nirton Venancio
Pedro Paulo Pan
Pedro Paulo Pan
Projeto Identidade
Rubens da Cunha
Tudo Lorota
Valéria
Whisner Fraga
eXTReMe Tracker Divulgue o seu blog! Site Meter

This page is powered by Blogger. Isn't yours?